Macron: «Até um talentoso pode minar um grupo»

Falou antes da partida da seleção francesa e abordou o assunto Benzema

• Foto: Reuters

Os pupilos de Didier Deschamps já aterraram em solo russo mas, antes, Emmanuel Macron, presidente da França, abordou o tema quente da atualidade: a ausência de Benzema na convocatória do Campeonato do Mundo.

"A não convocatória do Karim não altera em nada as qualidades dele no Real Madrid, onde brilha desde há vários anos e faz bons jogos, como foi o caso desta última final da Liga dos Campeões. Contudo, há regras, e o selecionador sabe bem que até um jogador talentoso pode minar um grupo", afirmou Macron, com palavras fortes, em entrevista no programa ‘Téléfoot’, da estação televisiva TF1.

O estadista francês mostrou também total confiança no selecionador Didier Deschamps, que conduziu os gauleses à final do Euro’2016. "Sou o presidente da República, não o selecionador de França. Gosto muito de futebol e posso dar a minha opinião, mas, no fim de contas, quem lidera é Didier Deschamps e tenho total confiança nele", acrescentou.

Os franceses chegaram ao início da noite a Moscovo e reuniram-se em Istra, onde vão acertar os últimos pormenores tendo em vista a estreia na competição, no próximo sábado, frente à Austrália, em Kazan. O empate (1-1) com os Estados Unidos deixou visíveis algumas lacunas que Deschamps procurará evitar agora que o início do Campeonato do Mundo se aproxima.

Por Ruben Tavares
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Mundial 2018

Notícias