Manuel Fernandes: «Sou muito fã do Iniesta mas não queria nenhum jogador da Espanha»

Médio aborda primeiro jogo da seleção portuguesa no Mundial

• Foto: Pedro Ferreira

Manuel Fernandes acredita que Portugal pode começar o Mundial com uma vitória sobre a Espanha, primeira adversária, sublinha que o objetivo é ganhar todos os jogos do grupo, e de preferência a jogar bem, mas se tiver de optar, então diz: "fico-me pelo resultado". 

"Seria importante começar a pontuar. Mas acima de tudo pensamos que temos a possibilidade de ganhar. Se formos para o primeiro jogo a jogar para empatar, a derrota será algo mais provável. O nosso objetivo será ganhar todos os jogos do grupo e a partir daí vemos o que fazer mais para a frente. A imagem também é importante, mas mais é o resultado. Preferimos jogar bem e ganhar, mas se não for o caso, fico-me pelo resultado. Vitórias morais não nos dão muita coisa", referiu Manuel Fernandes, esta segunda-feira, em conferência de imprensa.

"Estamos todos em sintonia. Viemos aqui para ganhar os jogos todos do grupo. Não nos passa outro tipo de pensamento. Pessoalmente, estou bastante contente em integrar este grupo campeão da Europa. Já conhecia grande parte dos jogadores, mas é um privilégio fazer parte deste grupo, tendo em conta o tempo que estive afastado", afirmou.

"Sou muito fã do Iniesta, mas não queria nenhum jogador da Espanha", diz, acrescentando, "a Espanha tem bastante respeito pela seleção portuguesa e vai jogar sempre da mesma forma. Tentar ter mais posse de bola, que é uma característica já dos últimos anos. É teoricamente a seleção mais fortes, mas Marrocos e Irão chegaram aqui com registos imaculados. Seria um erro não dar valor a essas seleções. Espanha é muito forte e uma séria candidata a ganhar o Mundial, mas teremos a mesma seriedade que com Marrocos e Irão", sublinhou.

Por Pedro Gonçalo Pinto
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Mundial 2018

Notícias

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.