Reviravolta da Bélgica com 'inspiração' em Eusébio e Portugal de 1966

Há quase 50 anos que não se assistia a tamanha reviravolta na fase a eliminar de um Mundial

A Bélgica perdia por 2-0 a cerca de 15 minutos do fim mas deu a volta e bateu o Japão por 3-2, apurando-se para os oitavos de final depois de uma partida de loucos, em que marcou o tento do triunfo a 10 segundos do fim. Um volte-face épico e que há muito não se via numa fase a eliminar de um Mundial. Mais concretamente desde 1970, quando a RFA também operou semelhante reviravolta nos quartos de final diante da Inglaterra.

Segundo o Playmaker Stats, tal fenómeno apenas tinha ocorrido em seis ocasiões antes de hoje. Em duas delas, a desvantagem chegou mesmo a ser de três golos: foram os casos da Áustria, que perdia por 3-0 e ganhou por... 7-5 (no jogo com mais golos da história dos Mundiais) e de Portugal, que bateu a Coreia do Norte por 5-3 (perdia por 3-0 aos 25 minutos...), com póquer de Eusébio, nos 'quartos' de 1966.

Relacionadas

3
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Mundial 2018

Notícias