Bruce Arena "pronto" para levar os EUA ao Mundial

Novo selecionador substituiu Juergen Klinsmann

• Foto: Reuters

Bruce Arena, de regresso ao comando técnico da seleção dos Estados Unidos, sucedendo ao alemão Juergen Klinsmann, afirmou na terça-feira que vai conseguir a qualificação para o Mundial'2018, na Rússia, apesar da desastrosa campanha de apuramento.

"Este regresso representa um enorme desafio na minha carreira, mas sinto que estou pronto para levar a seleção ao próximo Mundial", garantiu o técnico, de 65 anos, que já comandou a seleção norte-americana, entre 1998 a 2006.

Com duas jornadas já disputadas da quinta ronda de apuramento da zona da América do Norte, Central e Caraíbas (CONCACAF), os Estados Unidos ocupam o sexto e último lugar, com duas derrotas, a seis pontos da Costa Rica, líder isolada.

Os três primeiros apuram-se diretamente para o Mundial'2018, enquanto o quarto classificado disputa um play-off.

"Contamos com jogadores magníficos, só falta que joguem como equipa. É preciso um pouco de paciência e trabalho", foi a receita de Bruce Arena na conferência de imprensa de apresentação.

O jogo que assinalará oficialmente o regresso de Bruce Arena ao banco dos Estados Unidos está marcado para 24 de março, quando os norte-americanos receberem as Honduras.

Bruce Arena, que apurou duas vezes os Estados Unidos para a fase final de um Mundial, em 2002, no Japão e Coreia do Sul, onde chegou aos quartos de final, e 2006, na Alemanha, tendo ficado, na altura, pela fase de grupos.

Por Lusa
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Mundial 2018 - América do Norte e Central

Notícias

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.