Bas Dost: «Isso de eu estar feito para uns jogos e outros não é uma treta»

Avançado comenta a sua situação na seleção holandesa e espera mais minutos

• Foto: EPA

Com a Holanda em apuros na fase de qualificação para o Mundial'2018, Bas Dost espera poder contribuir mais efetivamente na dupla jornada final, diante da Bielorrússia e da Suécia. O avançado do Sporting tem apenas um golo em 15 internacionalizações e confessa que por esta altura contava ter uma utilização mais constante.

"Houve momentos em que pensei que teria mais minutos mas não sou pessoa de discutir esses temas com o treinador. Espero mostrar aqui o que posso fazer", frisou o ponta-de-lança, de 28 anos, à estação televisiva 'NOS', acrescentando que está talhado para todos os encontros e não apenas alguns com determinadas características: "Isso de eu estar feito para uns jogos e para outros não é uma treta." Isto numa altura em que Vincent Janssen deverá ser o escolhido do selecionador Dick Advocaat para a deslocação à Bielorrússia.

Em terceiro lugar a 3 pontos da Suécia e a 4 da líder França no Grupo A, Bas Dost reconhece que o apuramento está difícil mas não atira a toalha ao chão: "Ainda há possibilidades, mantenho sempre a confiança. É claro que [o apuramento] não está famoso mas o ambiente na seleção está bom."

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Mundial 2018 - Europa

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.