Grupo A
Grupo B
Grupo C
Grupo D
Grupo E
Grupo F
Grupo G
Grupo H

João Félix diz que golo é "sensação de alívio gigante" e atira: «Deve ter dado um treco à minha mãe»

Avançado do Atlético Madrid disse ainda que "nunca facilita apesar de as pessoas pensarem isso"

• Foto: Paulo Calado
João Félix mostrou-se feliz pela vitória de Portugal frente ao Gana, após um jogo em que marcou um dos golos portugueses. O avançado do Atlético Madrid disse mesmo ser "uma sensação de alívio gigante por tudo o que tem acontecido" esta época.

"Sinto-me bem, contente e confiante. É um golo importante no Campeonato do Mundo, a competição que sempre sonhámos jogar. Sendo a estreia mais importante ainda, é uma sensação de alívio gigante por tudo o que tem acontecido. Estou focado aqui, quero ajudar a equipa, temos um grupo fantástico e para dar alegrias aos portugueses", começou por referir na zona mista, depois do jogo.

"O Bruno [Fernandes] mete sempre bem essas bolas. Vê muito para a frente, procura sempre o último passe. Quando ele recebeu pus-me a correr, sabia que ele ia meter a bola. Acreditei que o defesa ia falhar e em frente à baliza meti-a lá dentro", acrescentou, em referência ao golo que apontou.

Golos dão confiança?

"Como é óbvio. Todos os golos são importantes, mas um para ajudar a equipa numa vitória tão é importante é sempre bom e dá confiança a mim e ao grupo. Com esta vitória estamos todos muito confiantes."

Tweet de Ricardinho onde se pode ler: "Simeone abre o olho"

"Ricardinho tem a sua opinião, cada um tem a sua. Estou cá e importa-me o que faço aqui. quando isto terminar, volto a concentrar-me no atlético. Agora estou aqui e só quero saber de Portugal."

Limpar a cabeça:

"É uma sensação de alívio por tudo o que tem acontecido. Tento sempre ajudar o clube e a seleção. Nunca facilito apesar de as pessoas pensarem isso. Faço sempre o meu trabalho, tento fazer o meu melhor para ajudar toda a gente."

Queixas no calcanhar:

"Estou bem"

O que se sente a marcar no primeiro jogo?

"É um momento de alegria enorme. Só me lembrava da minha família e dos meus amigos. A minha mãe deve ter-lhe dado um treco. Lembrei-me deles. Este golo é para eles."
 
Já mandou mensagem?

"Ainda não fui ao balneário. Dedico a este grupo fantástico, a toda a família e a todos os amigos. Não é nestes momentos que eles mais devem estar presentes, é nos outros e não facilitam."

Jogo complicado

"Todas as seleções são fortes, não há seleções fracas. Não há jogos fáceis, nós é que temos de os tornar fáceis."
Por Record
25
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo