Adepto do PAOK condenado a um ano de prisão com pena suspensa

Em causa está a agressão ao treinador espanhol Oscar Garcia

• Foto: Vítor Chi

Um adepto do PAOK Salónica foi hoje condenado a um ano de prisão, com pena suspensa, por agressão ao treinador espanhol Oscar Garcia, do Olympiacos, na época passada no campeonato grego.

Um tribunal de Salónica considerou o adepto, de 26 anos, culpado de agressão, depois de este ter atirado um rolo de papel desde as bancadas, que atingiu o treinador na face e o obrigou a ser assistido no hospital.

O tribunal atribuiu ao adepto a pena de um ano de prisão, com pena suspensa, e a proibição de assistir aos jogos do PAOK durante duas épocas, já depois de o clube de Salónica ter sido punido com a derrota no encontro, que não se chegou a disputar, em 25 de fevereiro.

Em sua defesa, no tribunal, o adepto disse que não teve a intenção de acertar no treinador quando atirou o rolo de papel para o relvado, ainda antes do início do jogo.

Na última época o PAOK já contava com o internacional português Vieirinha, que se mantém no clube, afastado em agosto pelo Benfica nos 'play-off' da Liga dos Campeões de futebol.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.