Record

Antigo chefe de polícia enfrenta 95 acusações de homícidio

David Duckenfield vai a julgamento pela tragédia de Hillsborough

• Foto: DR
David Duckenfield, antigo chefe intendente da Polícia de South Yorkshire, em Hillsborough, foi acusado de homícidio por negligência grosseira, na sequência dos incidentes registados a 15 de abril de 1989, na meia-final da FA Cup entre o Liverpool e Nottingham Forest, no qual morrem 95 adeptos dos reds. O antigo chefe intendente tinha interposto um recurso para evitar a acusação mas o juiz recusou a intenção e avançou mesmo para o julgamento.

Duckenfield, de 73 anos, vai a tribunal a partir de 14 de janeiro, na companhia de Graham Mackrell, antigo secretário do Sheffield Wednesday, responsável pelo certificado de segurança do estádio, e está acusado de 95 crimes de homicídio por negligência grosseira. 

Três outros arguidos - os antigos polícias Donald Denton e Alan Foster e o advogado Peter Metcafl - respondem também pelo crime de ingerência na justiça. 
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Vencer por orgulho e estatuto

Em causa estão ainda mais 2,7 milhões de euros. Sem futuro na Champions, águia luta para ser cabeça de série na Liga Europa
Notícias

Notícias Mais Vistas