Antigo internacional uruguaio é hoje empregado de mesa e culpa agentes: «Roubaram-me o dinheiro»

Darío Silva jogou em Itália, Espanha e Inglaterra mas o azar bateu-lhe à porta

Darío Silva, antigo avançado uruguaio, é hoje empregado de mesa numa pizaria. A mudança drástica de vida de um jogador que foi 49 vezes internacional pela sua seleção impressiona, numa história contada pelo programa espanhol 'Jugones'.

Darío chegou à Europa em 1995 para jogar no Cagliari, mudando-se três anos depois para Espanha, onde representou Espanyol, Málaga e Sevilha. 2005/06 foi a última temporada como jogador profissional, cumprida no Portsmouth. Foi aí que uma conversa com o pai mudou tudo.

"Deixei o futebol porque o meu pai disse-me na cara: ‘Não sei se vou durar mais dois ou três meses vivo’", explicou Darío Silva, que assim se mudou de imediato para o Uruguai. No entanto, pouco tempo depois sofreu um grave acidente de viação que lhe amputou uma perna. Apesar de grave, o uruguaio prefere ver o lado positivo: "Cometi um erro e aconteceu-me isto. Dói-me, mas pelo menos não aconteceu mais nada".

A vida em Montevidéu complicou-se desde então e as dificuldades financeiras obrigaram-no a procurar trabalho. Hoje serve pizzas num restaurante e, questionado sobre o que aconteceu ao dinheiro que ganhou com o futebol, Darío não hesita em culpar os empresários: "Lidavam com o dinheiro, fizeram o que queriam e depois roubaram-no".

Por Luís Miroto Simões
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.