«Apoiar Neymar é apoiar a corrupção»

Dono da DIS arrasa avançado do Barcelona

Transferência do brasileiro para o Barcelona ainda é alvo de análise por parte da justiça espanhola
• Foto: EPA

Delcir Sonda, fundador do grupo 'DIS', que detinha 40% dos direitos económicos de Neymar, falou pela primeira vez esta quarta-feira sobre as negociações que levaram o avançado brasileiro para o Barcelona, em 2013, e que agora estão a ser analisadas pela justiça espanhola. O valor real da transferência de Neymar foi tópico de conversa, assim como as potenciais fraudes efetuadas, que terão levado o pai do jogador a receber uma elevada quantia para lucrar com a saída do avançado do Santos para Espanha.

Visivelmente emocionado, Sonda admitiu ter havido corrupção no processo entre a equipa da Catalunha e o astro brasileiro. "Fui traído pelo Neymar e pelos pais dele. Ele sabia de tudo. Sei que a corrupção está muito presente no Mundo e no Brasil - e no futebol ainda mais. Mas irei fazer de tudo para a combater, porque apoiar o Neymar é apoiar a corrupção".

O empresário não ficou por aqui e continuou a mostrar a sua deceção em relação ao jogador do Barcelona. "Neymar mentiu e ainda hoje mente. Ele não pode ser exemplo para os nossos filhos. Não podemos tolerar a corrupção", sublinhou. 

Também o advogado espanhol da 'DIS', Eliseo M. Martínez, mostrou o seu desagrado em relação à forma como todo o processo foi gerido. "O que o Barcelona quer é contratar o jogador sem pagar a cláusula prevista. Preferem enganar o mercado e pagar por baixo da mesa", disse.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.