Árbitro condenado a 15 meses de prisão após marcar penálti considerado "escandaloso"

Sérvio Srdjan Obradovic fica ainda suspenso por 10 anos

A carregar o vídeo ...
O penálti "escandaloso" que levou à condenação de um árbitro a uma pena de prisão

O árbitro sérvio Srdjan Obradovic foi condenado pelo Tribunal Superior de Novi Sad a 15 meses de prisão e a 10 anos de suspensão por alegadamente ter favorecido o Spartak Subotica na receção ao Radnicki Nis, um jogo da penúltima jornada da liga sérvia, que foi disputado em maio de 2018.

O Spartak Subotica venceu por 2-0, com dois penáltis, um deles considerado "escandaloso" pela imprensa desportiva do país, num jogo em que se lutava pela presença na Liga Europa e em que o Radnicki Nis jogava com 10, depois do goleador da equipa ter sido expulso.

A polícia interrogou o árbitro depois do jogo, por haver suspeitas de corrupção, e o seu testemunho foi depois usado pela acusação.

A sentença, que impede também o árbitro de desempenhar qualquer cargo na federação, é passível de recurso.

Por Record
47
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Assalto à profundidade

Marco Paixão já derrotou o Besiktas esta época e dá a receita ao ataque leonino. Cuidado com Pjanic...

Notícias

Notícias Mais Vistas