As caixas fortes que Maradona tinha no Dubai: um mistério que intriga os herdeiros

Ninguém sabe o que El Pibe guardava naquele Emirado

• Foto: EPA

Diego Armando Maradona morreu há dois meses e a herança do antigo craque argentino continua a dar que falar. Carros de luxo, mansões, camisolas oferecidas por outras vedetas do futebol, um património que pode ser incalculável.

Além dos bens que possuí na Argentina, soube-se agora que Maradona tinha umas caixas fortes no Dubai, cujo conteúdo ninguém conhece.

"São coisas que o Diego guardou, só ele sabia o que lá está. Podem ser dirhams (a moeda do Emirado), relógios, dólares ou nada. As caixas foram guardadas e nunca mais foram abertas e mais de dois anos", explicou uma fonte próxima do antigo futebolista argentino.

Sabe-se que Maradona costumava guardar nas suas caixas fortes os bens que mais apreciava. Em casa na Argentina, por exemplo, tinha a sua coleção de relógios e o famoso anel avaliado em 300 mil dólares que lhe foi oferecido 'presidente do futebol' do Dínamo Brest.

Por Record
3
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.