Balotelli em nova polémica: «Lei devia proibir mulheres de serem mães por dinheiro»

Avançado italiano teceu críticas à progenitora do seu segundo filho, Lion

Mario Balotelli está, novamente, no centro de mais uma polémica. Desta vez, o avançado partilhou no seu Instagram um texto a visar a mulher do seu segundo filho, Lion, frisando que "a lei devia impedir mulheres de terem filhos com homens apenas pelo dinheiro". Clelia Carleenn já respondeu ao jogador, afirmando que foi "vítima física e mental" na relação e que "nunca foi respeitada" pelo italiano.

"A lei devia impedir que mulheres que só estejam interessadas em dinheiro tenham filhos contra a vontade dos homens, só para obterem o benefício fiscal. É malvado, triste e imoral. A família nasce por amor e não por conveniência. Se és solteiro, te estás a divertir, e não podes suportar-te, não uses terceiros como se fossem uma caixa registadora, arranja um trabalho antes de teres filhos. Se a lei não é correta, Deus é e o castigo será eterno", escreveu o jogador numa 'storie' do Instagram que apagou pouco depois. Palavras que não tardaram em esperar pela resposta.

"Fui vítima física e mental desta relação. Ele não respeita as mães, tudo o que faz é mentir", começou por referir a ex-mulher do jogador, antes de se dirigir ao filho: "Lion, farei tudo por ti. Amo-te".

Por Record
13
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas