Benfica de Jimmy Hagan é o alvo a abater por Marco Silva

Registo impressionante do Olympiacos

O início da década de 70 ficou marcado pela conquista de três campeonatos consecutivos pelo Benfica, com destaque para o fantástico período entre abril de 1972 e abril de 1973, em que as águias, lideradas pelo inglês Jimmy Hagan, registaram umas impressionantes 29 vitórias seguidas no campeonato português, um número que até hoje ninguém conseguiu superar no futebol europeu.

Numa equipa demolidora em que brilhavam Eusébio, António Simões ou Artur Jorge, entre outros, o Benfica iniciou este percurso histórico frente ao Atlético, em 1971/72, e só o FC Porto é que conseguiu travar a máquina encarnada na época seguinte, quando empatou nas Antas (2-2), numa temporada (1972/73) em que as águias foram campeãs sem derrotas – até então inédito na liga portuguesa – e com 101 golos marcados: 40 do Pantera Negra.



D. Zagreb ainda ameaçou

A nível europeu, o clube que se aproximou mais do registo do Benfica foi o Dínamo Zagreb. Em 2006/07, os croatas alcançaram 28 triunfos seguidos, numa equipa onde se destacavam Corluka, Modric e Eduardo da Silva, sob a orientação de Branko Ivankovic.

Na Escócia, o Celtic de Martin O’Neill estabeleceu em 2003/04 um novo máximo do futebol britânico, mas os 25 triunfos ficaram longe da marca do Benfica.

Época histórica na Sérvia com golos de Vieira

Mas não é só o Olympiacos que está a realizar uma temporada irrepreensível. Na Sérvia mora outro conjunto que neste momento arrasa no seu campeonato. Liderado pelo matador português Hugo Vieira (14 golos), o Estrela Vermelha é um autêntico caso de sucesso. Com 20 vitórias em 22 jogos na liga em 2015/16, o histórico emblema tem mais...25 pontos do que o 2º classificado. E a equipa de Hugo Vieira vai numa série de 19 triunfos consecutivos, sendo o clube europeu em melhor forma neste momento. Shakhtar e Juventus também estão lançados, mas ainda distantes dos números referidos.

Invencibilidade

A nível de equipas sem derrotas esta época nas ligas europeias, há apenas seis: Olympiacos (Grécia), Estrela Vermelha (Sérvia), PSG (França), Rijeka (Croácia), TNS (País de Gales) e Dudelange (Luxemburgo).

Por Diogo Jesus
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.