Bielorrusso Ilya Shkurin recusa-se a jogar pela seleção em protesto contra o presidente

Futebolista de 20 anos contra o poder do regime de Lukashenko

• Foto: Site CSKA.com

O futebolista Ilya Shkurin recusou representar a seleção bielorrussa, em protesto contra a presidência de Alexander Lukashenko, que enfrenta uma enorme contestação, informou este domingo o avançado do CSKA Moscovo, na rede social Instagram.

"Recuso-me a representar os interesses da seleção enquanto o regime de Lukashenko estiver no poder. Viva a Bielorrússia!", escreveu o ponta de lança, de 20 anos.

O jogador do clube russo tomou esta posição depois de vários milhares de manifestantes se juntarem em Minsk e noutras cidades da Bielorrússia para protestarem contra a reeleição de Lukashenko, no passado dia 9, denunciando fraudes e uma repressão violenta do poder.

Shkurin, que havia sido convocado para a seleção principal, vai falhar os jogos da Liga das Nações agendados para setembro, diante de Albânia e Cazaquistão.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.