Boca Juniors vence clássico nos penáltis: River tinha 15 jogadores infetados com Covid-19

Equipa 'xeneize' segue para as meias-finais da Taça da Liga

• Foto: Reuters

O Boca Juniors eliminou o rival River Plate, desfalcado de 15 jogadores infetados pelo novo coronavírus, no desempate nas grandes penalidades, por 4-2, depois da igualdade 1-1 no tempo regulamentar, no domingo.

Na Bombonera, Carlos Tevez deu vantagem ao Boca Juniors, aos 11 minutos, nos quartos de final da Taça da Liga argentina, tendo a formação comandada por Marcelo Gallardo, sem sete habituais titulares e quatro guarda-redes, igualado, por Alvarez, aos 68, já depois de o ex-benfiquista Enzo Pérez ter saído, por lesão.

No desempate, Leornardo Díaz, o guarda-redes suplente da equipa de reservas do River, que foi convocado de urgência para o encontro, ainda defendeu um castigo máximo, cobrado por Cardona, mas o guarda-redes Agustín Rossi defendeu os penáltis cobrados por Angileri e Ponzio e levou o Boca Juniors para as meias-finais da competição.

O Boca Juniors vai disputar o acesso à final frente ao Racing Avellaneda, que eliminou o Vélez Sarsfield, enquanto o Colón, 'carrasco' do Talleres, vai enfrentar o Independiente, que afastou o Estudiantes de La Plata.

No sábado, o River Plate tinha revelado uma lista de 10 jogadores infetados, aos quais acrescentou outros cinco, no domingo, tendo Leonardo Díaz sido chamado para suprir as ausências de Franco Armani, o habitual titular na baliza, e dos seus suplentes Enrique Bologna, German Lux e Franco Petroli, todos com covid-19.

Por Lusa
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.