Coronavírus: Jogadores do Anderlecht abdicam do salário de abril

Medida permite ao clube poupar 3 milhões

• Foto: Getty Images

Com as competições paradas devido à pandemia de covid-19, os clubes de futebol fazem contas e tentam arranjar soluções para evitar graves crises financeiras.

Segundo a imprensa belga, o plantel do Anderlecht decidiu ajudar o clube a ultrapassar este momento delicado. Os homens liderados por Vincent Kompany, capitão e treinador da equipa, abdicaram de um mês de salários. Esta medida vai permitir uma poupança de cerca de 3 milhões de euros.

Karel Van Eetvelt, CEO do clube, explicou que a direção propôs aos jogadores uma redução no salário do mês de abril. No entanto, os atletas decidiram abdicar da totalidade do vencimento do próximo mês para não prejudicarem as contas do Anderlecht, que, segundo a imprensa belga, estão muito complicadas.

Já os membros da direção do emblema de Bruxelas decidiram baixar o salário, recebendo apenas consoante as tarefas que realizarem.

Por Andreia Candeias
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.