Durou apenas quatro jogos a carreira de treinador-jogador de Kompany

Belga não teve um início de carreira promissor

• Foto: Getty Images

Durou pouco mais de dois meses a primeira aventura de Vincent Kompany enquanto treinador principal... Esta quinta-feira, em face dos maus resultados no campeonato (dois empates e duas derrotas), o Anderlecht comunicou a mudança na estrutura técnica do clube, que desta forma deixa de ter o belga, de 33 anos, como treinador, passando esse cargo a ser ocupado pelo galês Simon Davies, que até agora era seu adjunto.

Kompany continuará, ainda assim, a estar ligado ao clube, mas apenas na função de jogador, pois esta sua nova etapa pós-Manchester City tinha a particularidade de ser marcada por um cargo pouco visto, o de treinador-jogador. Uma dupla tarefa que, pelo que se viu, não correu da melhor forma, já que em quatro partidas não conseguiu vencer qualquer uma, isto pese embora ter atuado durante os 90 minutos em todas.

Na sequência da decisão, o novo técnico declarou que, agora que foi feita a mudança, "Kompany tem de se concentrar em liderar os seus companheiros no terreno de jogo, mas sendo apenas um deles".

Por Fábio Lima
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.