Record

El-Hadary retira-se da seleção após bater recorde no Mundial'2018

Guarda-redes vai jogar no Ismaily do Egito

• Foto: Reuters
O guarda-redes egípcio Essam El-Hadary, que aos 45 anos tornou-se no jogador mais velho a disputar um Campeonato do Mundo, na Rússia, anunciou esta terça-feira o final da sua carreira internacional.

Com 159 internacionalizações pelo seu país, El-Hadary foi titular no Arábia Saudita-Egito (2-1), do Grupo A do Mundial'2018, e passou a ser o jogador mais velho de sempre a competir na mais importante prova de seleções.

"Depois de pensar durante muito tempo e de consultar Deus, decidi retirar-me do futebol internacional", escreveu o guarda-redes na sua página oficial da rede social Facebook.

Apesar dos 45 anos, El-Hadary prepara-se para iniciar a 26.ª temporada da carreira, no Ismaily, depois de ter passado a última época na Arábia Saudita, no Al Taawon.

Com o Egito, o guardião conquistou quatro Taças das Nações Africanas e, a nível de clubes, com o Al-Ahly, venceu oito vezes o campeonato egípcio e quatro vezes a Liga dos Campeões africana.

A sua única aventura europeia aconteceu entre 2007 e 2009 ao serviço dos suíços do Sion.
Por Lusa
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

M