Emiliano Sala e o piloto terão sido expostos a "elevados níveis de monóxido de carbono"

Avioneta em que seguia o argentino caiu sobre o Canal da Mancha em janeiro

Emiliano Sala
Emiliano Sala
Clube do Nantes homenageia Emiliano Sala e retira camisola 9
Emiliano Sala
Emiliano Sala
Emiliano Sala
Clube do Nantes homenageia Emiliano Sala e retira camisola 9
Emiliano Sala
Emiliano Sala
Emiliano Sala
Clube do Nantes homenageia Emiliano Sala e retira camisola 9
Emiliano Sala

O futebolista Emiliano Sala e o piloto foram expostos a "elevados níveis de monóxido de carbono" antes da queda do avião, segundo revela um relatório da Agência de Investigação de Acidentes Aéreos, divulgado pela imprensa britânica. 

Sala e o piloto David Ibbotson morreram na queda da avioneta onde seguiam. Tinham partido de Nantes e dirigiam-se para o País de Gales, onde o argentino ia apresentar-se depois de ter sido contratado pelo Cardiff. 

O corpo de Ibbotson, de Lincolnshire, permanece desaparecido, mas, de acordo com o mesmo relatório, é "provável" que apresente os mesmos níveis de monóxido de carbono. 

A morte do futebolista de 28 anos, a 21 de janeiro, deixou o mundo do futebol de luto. 

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.