Escócia: Mark Warburton deixa comando do Rangers

Clube anuncia pedido de demissão do técnico mas este... desmente

Menos de um ano depois de ter conduzido o Rangers de regresso à elite do futebol escocês, Mark Warburton abandonou o comando do histórico de Glasgow. Ainda assim, a saída do técnico inglês ficou marcada por alguma confusão, pois este desmentiu ter apresentado a demissão, pouco depois do clube o ter anunciado.  

"O Rangers aceitou a demissão do treinador Mark Warburton, do seu assistente David Weir e do responsável do recrutamento Frank McParland", podia ler-se no comunicado publicado pela turma escocesa no respetivo site oficial. Mas, em declarações à BBC, Warburton negou a intenção de se demitir do cargo. 

Certo é que o tempo do técnico inglês, de 54 anos, à frente ao Rangers parece ter terminado 18 meses depois de ter assumido o cargo - ainda no 2.º escalão -, pois será Graeme Murty, treinador da equipa de sub-20, a estar no banco frente ao Greenock Morton, no domingo, em jogo da Taça da Escócia.

No campeonato, o Rangers ocupa o 3.º lugar, com os mesmos pontos (43) mas mais um jogo do que o Aberdeen (2.º), já a 27 pontos do rival e líder Celtic, que caminha a passos largos para mais um título escocês.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.