Ex-jogador do FC Porto pode enfrentar 10 anos de prisão

João Maleck esteve envolvido num acidente de viação do qual resultaram duas vítimas mortais

• Foto: MoveNotícias

João Maleck, avançado camaronês de 20 anos, esteve envolvido num acidente de viação, no ano passado, do qual resultaram dois mortos e novas provas apontam o jogador como culpado, segundo o diário desportivo espanhol, 'Mundo Deportivo'. O jovem foi contratado pelo FC Porto em 2017/18 para a equipa de juniores e esteve, também, cedido quer ao Santo Laguna, do México, quer ao Sevilha B.

As vítimas, María Fernanda Peña y Alejandro Castro, tinham acabado de se casar e dirigiam-se para o copo d'água quando sucedeu o acidente. Agora, as famílias das vítimas apresentaram novas evidências e o jovem, que tem estado em prisão preventiva desde essa altura, pode enfrentar uma pena de prisão de dez anos.

Supostamente, o acidente deu-se depois de uma saída nocturna do jovem e as famílias apontam que o jogador seguia acima do limite de velocidade permitido na zona e que Maleck estaria a conduzir sob o efeito de álcool, não obstante o teste realizado após o sinistro ter dado negativo. Caso o juiz considere estas provas como válidas, o avançado pode ser acusado de homicídio e por isso enfrentar 10 anos de prisão. Para já segue em prisão preventiva.

6
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.