Federação turca vai atribuir derrota a equipas que não possam jogar por casos de Covid-19

Medida abrange campeonatos profissionais daquele país e entra em vigor na segunda volta

• Foto: Reuters

Os casos de Covid-19 em jogadores já obrigaram ao adiamento de vários jogos de futebol em diversos países mas na Turquia esse cenário está prestes a mudar. Esta segunda-feira, a Federação Turca de Futebol anunciou que passará a atribuir derrota a uma equipa que não se apresente em campo por não ter disponível um número mínimo de atletas, numa medida que se estende a todas as competições profissionais daquele país. 

"Não haverá atraso na competição por causa de casos positivos e a medida entrará em vigor na segunda volta das competições. De acordo com os regulamentos, os clubes podem entrar em campo com mínimo de 9 jogadores. Se não acontecer, ser-lhes-á automaticamente atribuída a derrot", informou a federação turca, em comunicado. 

Para tentar minimizar os danos, os responsáveis federativos decidiram autorizar o aumento dos plantéis para um máximo de 35 jogadores. Contudo, os clubes mostram-se descontentes com esta decisão e, em conjunto, estão já a preparar uma contra-proposta para apresentar na próxima semana.

Por Record
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.