Fernando Mendes: «Cruyff criou novas formas de ver o futebol»

Ex-jogador lamenta morte de antigo craque holandês

• Foto: Reuters

Fernando Mendes lamentou esta quinta-feira a morte de Johan Cruyff, considerando o holandês um "nome incontornável" do futebol mundial.

"Marca a história do futebol mundial, na altura com novas formas de ver o futebol. Os títulos que ele ganhou falam por ele. Foi um grande jogador, um grande treinador e deixa o futebol mundial mais pobre. Depois dele vieram muitos, com uma qualidade acima de qualquer suspeita, Gullit, Van Basten, Rijkaard, vários jogadores, que nunca conseguiram atingir essa maturidade e classe a nível mundial. Não é fácil quando se tem o rótulo dos maiores jogadores do mundo de sempre, qualquer jogador atingir esse nível. Marca acima de tudo a história da grande academia de futebol da seleção holandesa, do Ajax. Uma academia que teve grandes talentos... Ele faz parte de toda essa história que ainda hoje perdura", afirmou o antigo jogador à CM TV.

E prosseguiu, avaliando as capacidades de treinador e dirigente de Cruyff: "Quem sabe, sabe. Quem tinha a qualidade que ele tinha enquanto jogador… Há muito poucos grandes jogadores a nível mundial que foram treinadores. Há vários jogadores que são treinadores, mas não atingem o nível que ele conseguiu. Independentemente disso tudo, foi um grande jogador, como treinador teve a felicidade, por mérito próprio, de ter treinado grandes equipas, como o Barcelona, que lhe abriram as portas à qualidade que tinha como jogador e pôr em prática como treinador. Foi essa a felicidade que ele conseguiu transmitir para os clubes onde passou".

Por João G. Oliveira
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas