Jogador dispensado da seleção por... não ter clube

Selecionador não sabia dessa situação e convocou Gilchrist Nguema

• Foto: Getty Images
Esta é mais uma daquelas histórias insólitas típicas da época de jogos de seleção. Aconteceu precisamente com uma equipa nacional, no caso a do Gabão, onde o selecionador Daniel Cousin decidiu dispensar o defesa central Gilchrist Nguema ao saber que este, afinal, estava desempregado e não jogava há várias semanas. Uma situação bem distinta daquela que era inicialmente apresentada, que dava Nguema como jogador do Benfica de Macau - clube no qual jogou, mas apenas até dezembro.

A situação levou mesmo a uma espécie de alerta público ao selecionador por parte da federação, naturalmente pouco contente por saber que um jogador tinha sido selecionado... sem se saber nada do seu estado recente. "Depois de uma cuidadosa investigação, percebemos que o jogador está de momento no Gabão e não joga há alguns meses. A seleção nacional não é um terreno para experiências. O presidente da Fegafoot lembra todos os treinadores que têm a obrigação de selecionar jogadores que estão em boa forma, de forma a impedir a quebra no rendimento e prestígio que deve ser a linha orientadora das seleção nacionais", podia ler-se no comunicado da Fegafoot, no qual revelou ainda que Nguema seria substituído por Franck Obambou, do Al Ittihad.
Por Fábio Lima
2
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Teremos sempre Paris

A Cidade Luz passará a ser, a partir de hoje, uma memória fabulosa para Liverpool ou Real

Notícias

Notícias Mais Vistas