Jogadores do River Plate suspensos por sete meses

Lucas Martínez Quarta e Camilo Mayada acusaram positivo em controlo antidoping

Camilo Mayada é um dos jogadores suspensos
• Foto: EPA

Confirmam-se as piores perspetivas para o River Plate. Lucas Martínez Quarta e Camilo Mayada, dois jogadores que acusaram positivo em controlos antidoping realizados em maio, foram suspensos por sete meses por essa situação, sendo ainda multados em 20 mil dólares (17 mil euros).

Como já estavam suspensos provisoriamente desde a data em que o resultado do controlo foi divulgado, os dois jogadores já cumpriram parte das sanções, pelo que o retorno de ambos se dará em dezembro: Martínez Quarta a 10 e Mayada a 18.

Recorde-se que a situação a envolver os dois jogadores sucedeu em compromissos da Taça Libertadores, devido ao consumo de um diurético proibido, que alegadamente estaria presente num produto energético tomado por todos os jogadores do plantel. Contudo, como os controlos não são feitos a todos os futebolistas, mais nenhum jogador acusou positivo (falou-se na altura de Sebastián Driussi, mas não se confirmou).

Por Fábio Lima
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.