Jovem do Feyenoord anuncia adeus ao futebol aos 19 anos para seguir sonho de ser médico

Splinter de Mooij deixa a modalidade no final do seu percurso de formação

• Foto: Getty Images

Este tipo de situações não é propriamente uma novidade - aconteceu recentemente com o italiano Alessandro Arlotti, que abandonou o Pescara para estudar em Harvard -, mas a verdade é que mesmo assim ainda são algo raro no Mundo atual. O mais recente caso é o de Splinter de Mooij, um médio ofensivo holandês de 19 anos, que atuava há sete épocas na formação do Feyenoord, que este sábado recorreu ao seu Instagram para comunicar que no final a temporada irá deixar o futebol para perseguir o sonho de ser médico.

"Quando em 2013 fui observado pelo Feyenoord, e posteriormente assinei contrato, o meu sonho de me tornar futebolista profissional tornou-se realidade. Depois de sete anos fantásticos, informei o Feyenoord hoje que vou deixar o clube para tornar realidade o meu segundo sonho, ser médico. Vou começar os meus estudos em setembro deste ano. Quero agradecer ao Feyenoord, a todos os elementos da equipa técnica por tudo o que me ensinaram. E aos meus colegas: obrigado pela amizade e por tudo o que passámos juntos", escreveu o jovem na sua conta naquela rede social.

Splinter de Mooij, refira-se, foi internacional holandês por quatro ocasiões nos Sub-18.

View this post on Instagram

A post shared by Splinter (@splinter16)

Por Record
2
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Assalto à profundidade

Marco Paixão já derrotou o Besiktas esta época e dá a receita ao ataque leonino. Cuidado com Pjanic...

Notícias

Notícias Mais Vistas