Koeman confirmado no cargo de selecionador da Holanda

Uma das primeiras provas de fogo do treinador é frente a Portugal

• Foto: Reuters

A federação holandesa oficializou esta terça-feira a contratação de Ronald Koeman, que sucede a Dick Advocaat como selecionador depois do fracasso na qualificação para o Mundial'2018. O treinador assinou um contrato de quatro anos e meio.

Koeman tem em mãos uma tarefa complicada que implica assegurar a presença da seleção holandesa no Euro'2020, ao mesmo tempo que procede ao rejuvenescimento do grupo de trabalho. Mas primeiro tem duas provas de fogo nos particulares frente a Inglaterra (23 de março, em Amesterdão) e Portugal (26 de março, em Genebra).

Koeman estava sem trabalho desde 23 de outubro de 2017, altura em que foi demitido pela administração do Everton na sequência da derrota frente ao Arsenal, que atirou os toffees para a zona de despromoção da Premier League.

O treinador, que na carreira de futebolista representou Groningen, Ajax, PSV Eindhoven Barcelona e Feyenoord, orientou ainda Ajax, Benfica, PSV Eindhoven, Valencia, AZ Alkmaar, Feyenoord e Southampton.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.