Layún recorda como lidou com o cancro: «Foi um banho de água fria»

"Foi estranho porque não tinha qualquer sintoma", diz o antigo jogador do FC Porto

Miguel Layún, futebolista mexicano que passou pelo FC Porto entre 2015 e 2017 e que atualmente representa o Monterrey, recordou como recebeu a notícia de que tinha um tumor maligno e como lidou com a doença.

"Foi estranho porque não tinha qualquer sintoma. Era um exame geral que quis fazer com a minha mulher porque ela, normalmente, não faz exames médicos. No final, fui eu diagnosticado. Quando me deram a notícia foi um banho de água fria. No início falava-se de um quisto complexo, no entanto, uma semana depois disseram-me que se tratava de um tumor", afirmou em entrevista ao 'Primera Plana'.

"O tumor estava completamente encapsulado. Os médicos removeram-no e certificaram-se de que não tinha espalhado nada. Não houve a necessidade de fazer quimioterapia ou radioterapia porque foi detetado a tempo", explicou o internacional que regressou aos convocados do México para os jogos com os Estados Unidos e Argentina.  

Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.