Maradona: «Não consumia drogas para aumentar o rendimento mas para me estragar»

"Estive metido num inferno", admitiu o argentino

• Foto: EPA

A carreira de Maradona teve tanto de brilhante como de polémica. O argentino teve problemas com a droga durante o percurso como futebolista e começou o consumo quando envergava a camisola do Barcelona em 1984. Em entrevista à ESPN, "El Pibe" falou sobre o problema.

"Eu não consumia para elevar orendimento, mas para me estragar todo. Eu não conseguia movimentar-me pelo relvado porque durante a semana não podia treinar", confessou o campeão do mundo em 1986.

O problema com as drogas veio a público em 1991. Devido ao consumo de cocaína, Maradona acusou positivo num teste antidoping num jogo da liga italiana frente ao Bari quando representava o Nápoles.

"Graças a Deus hoje posso levantar-me de manhã, dormir à noite e trabalhar tranquilo sem problema nenhum", congratulou-se o antigo médio.

Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.