Montenegro não renova com selecionador e chama antigo adjunto no Boavista

Miodrad Radulovic vai assumir o cargo

Faruk Hadzibegic
Faruk Hadzibegic • Foto: Instagram

A Federação do Montenegro (FSCG) decidiu não renovar contrato com o selecionador de futebol, o bósnio Faruk Hadzibegic, que será substituído ainda esta semana pelo montenegrino Miodrad Radulovic, ex-adjunto do Boavista.

Hadzibegic, de 63 anos, estava à frente da seleção desde 25 de julho de 2019 e o contrato termina na quinta-feira, o último dia do ano.

Na carreira, o treinador também orientou, entre outros, a Bósnia-Herzegovina, as equipas francesas do Sochaux, Troyes, Valenciennes, Dijon ou Bastia, os turcos do Gaziantepspor ou Denizlispor, bem como os espanhóis do Betis.

"Vi a informação oficial e percebi que Montenegro tem um novo selecionador. Espero que alguém da FSCG entre em contacto comigo e me comunique", disse Faruk Hadzibegic, reconhecendo, porém, o direito da Federação em não renovar e escolher outro técnico.

A equipa ficará entregue a Miodrag Radulovic, que foi treinador-adjunto do Boavista em 2006/07, quando o seu compatriota Zeljko Petrovic esteve à frente dos 'axadrezados', pouco mais de dois meses.

A seleção do Montenegro integra o Grupo G de apuramento para o Mundial2022, com os Países Baixos, Turquia, Noruega, Letónia e Gibraltar.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas