Pablo Aimar defende criatividade e dá uma lição: «Futebol não é xadrez»

Antigo jogador do Benfica, atual selecionador sub-17 da Argentina, diz que é preciso deixar que os jovens errem

A carregar o vídeo ...
Aimar: «Não há jogadores criativos se fizerem 800 treinos automatizados»

Pablo Aimar, antigo jogador do Benfica e que atualmente orienta a seleção de sub-17 da Argentina, opõe-se à ideia de que no futebol já não existem jogadores com criatividade, uma caraterística que, segundo 'El Mago', tem de ser devidamente cuidada nos jovens jogadores desde muito cedo. 

"Não gosto que digam que não existem jogadores criativos, sobretudo depois de fazerem 800 treinos automatizados. É muito provável que não haja jogadores criativos se tudo for automático e se dissermos a um miúdo de 15 anos que sabe driblar para não o fazer se perder a bola duas ou três vezes. Nessa idade vão perdê-la duas, três, cinco ou 10 vezes. Compreendo a preocupação com o jogo posicional, atacar os espaços. Mas acredito que os treinadores têm de ter em conta essa suposta ou real falta de criatividade. Muitas vezes as defesas são desbloqueadas por um criativo, um drible ou passe que inventa algo diferente quando tudo é monótono", explicou o antigo internacional argentino, de 41 anos, durante um congresso online com outros treinadores. 

"É preciso criar ambientes criativos para os jovens. O futebol é feito de decisões, de imaginação. Futebol não é xadrez. A torre vai sempre para a frente e para os lados. O cavalo também faz sempre os mesmos movimentos. No futebol não é assim. É preciso deixar que os jovens jogadores errem. Se nessas idades só olhamos para a tática, não podemos esperar jogadores criativos. Temos de deixá-los errar e, principalmente os treinadores da minha idade, entender que são crianºas a jogar futebol", acrescentou Aimar.

Por Record
4
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.