Passarella diz que Messi não tem personalidade de capitão

Antigo jogador aponta Funes Mori como o melhor candidato

• Foto: Reuters

Nome mítico na história do futebol argentino, Daniel Passarella colocou esta terça-feira em causa o estatuto de capitão que Lionel Messi tem na seleção das pampas, isto por considerar que o craque do Barcelona não tem personalidade para assumir o comando da equipa do seu país.

"A Argentina tem um grande líder, que poderia resolver essa carência real. E para mim esse jogador é o Funes Mori. É ele quem devia ser o capitão. A liderança sobre o grupo é algo diferente do momento jogar e o talento de cada futebolista", disse, apesar de depois apontar elogios ao 10.

"Sou um adepto incondicional de Messi e não se é justo o que digo, mas é isso que penso. É mais pela maneira de ser de Messi, pela sua personalidade, visto ser mais retraído e tímido", explicou Passarella, de 63 anos, o responsável pelo erguer da taça do Mundial de 1978.

Por Fábio Lima
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.