Penálti à Panenka falhado vale despedimento a jogador venezuelano

Tentativa artística de Bendrix Parra acabou por sair furada

Já muitas vezes vimos jogadores falharem penáltis de formas insólitas e serem gozados por isso mesmo - e até repreendidos pelos seus treinadores -, mas aquilo que aconteceu ao venezuelano Bendrix Parra será provavelmente algo que até agora nunca se tinha visto, pelo menos num plano mais profissional. É que, uma semana depois de ter desperdiçado dessa forma um penálti no desempate diante do La Equidad, em jogo da Copa Sul-Americana - a sua equipa acabou eliminada -, o jogador de 26 anos foi despedido pelo Independiente FBC.

Este penálti à Panenka valeu um... despedimento
"Chegámos a esse acordo ontem. São coisas que acontecem e há que assumi-las. Quando me comunicaram a sua decisão foi um balde de água fria, pois pensava encarar o que aí vem como uma desforra desse momento", admitiu o jogador, em declarações ao programa Fútbol a lo Grande, da rádio paraguaia Monumental 1080 AM.

Na mesma conversa, Parra admitiu que a viagem de regresso ao Paraguai foi "muito triste". "Vínhamos todos em silêncio. Passaram muitas coisas pela minha cabeça, senti-me culpado, mas fiquei com a sensação menos má de que dei tudo de mim nestes 180 minutos", acrescentou o jogador, que agora terá de procurar outro clube para seguir a sua carreira, de preferência onde não tenha a responsabilidade de marcar penáltis...

Por Fábio Lima
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas