Racismo leva UEFA a fechar partes dos estádios de Lazio e Shakthar Donetsk

Em causa comportamentos dos adeptos em jogos da Liga Europa

• Foto: Reuters

A UEFA condenou a Lazio, de Itália, e o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, a fechar partes dos seus estádios na próxima época, devido ao comportamento racista dos seus adeptos em jogos da Liga Europa.

Em fevereiro, os adeptos do Shakhtar Donetsk, clube treinado pelo português Paulo Fonseca, exibiram uma tarja com mensagens de extrema direita no jogo em casa com os alemães do Eintracht Frankfurt, próximos adversários do Benfica na competição.

No mesmo mês, alguns torcedores da Lazio, igualmente de extrema direita, fizeram a saudação nazi no jogo fora contra o Sevilha.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.