Red Bull Neymar Jr.'s Five: um formato inovador para um torneio 'fora da caixa'

Competição inspirada nas raízes do avançado brasileiro conhece campeão esta terça-feira

Competição que em 2022 terá a sua quinta Final Mundial, o Red Bull Neymar Jr.'s Five é um torneio como nenhum outro. Todo o formato é diferenciador, seguindo um pouco aquilo que é o futebol das raízes do avançado brasileiro natural de Praia Grande, em Santos (São Paulo). Este ano, por conta do adiamento das decisões de 2020 e 2021, a Final Mundial terá praticamente o dobro das equipas, com 60 formações de 34 países em disputa (normalmente a conta fica-se pelas 30 formações). Todas elas em busca de serem o campeão absoluto, para no final do dia de terça-feira ter a chance de levantar o troféu mais desejado e, também, jogar uma 'peladinha' contra um equipa formada e que terá o próprio Neymar em campo.

Esta segunda-feira disputa-se a fase de grupos, com a equipa portuguesa, o Mengão, a entrar em cena no Grupo A, juntamente com quatro formações árabes. Desta fase de grupos avançam 16 equipas para os 'oitavos': avançam diretamente os nove primeiros colocados de cada grupo e os vencedores de uma ronda de playoff que juntará os segundos colocados de todos os grupos e ainda os terceiros colocados dos grupos com cinco equipas.

Mas, então, como é jogado este torneio? Passamos a explicar.

- Cada equipa arranca a partida com 5 jogadores, tendo de fora mais 2 suplentes. Esses suplentes podem entrar e sair sem qualquer limite.
- O jogo terá a duração de 10 minutos ou, então, quando qualquer uma das equipas chegar aos 5 golos.
- Sempre que uma equipa marcar, a formação adversária (aquela que sofreu) perde um jogador. Esse futebolista, após ter sido 'eliminado', não pode reentrar em jogo. Isso torna o desafio ainda mais complexo, pois um golo sofrido é praticamente o adeus à partida.
- Por outro lado, para complicar ainda mais a tarefa, as equipas não têm guarda-redes e estão proibidas de pisar a zona delimitada da baliza.

Na Final Mundial deste ano estarão presentes 60 equipas, 11 delas femininas e as restantes mistas. Bahrain, Brasil, Egito, Inglaterra, França, Holanda, Nigéria, Arábia Saudita, Qatar, Emirados Árabes Unidos e Estados Unidos são os países que contam com representação tanto no torneio misto como no torneio feminino.

Todos os jogos serão disputados no Ceremonial Court, em plena Qatar Foundation, e poderão ser seguidos a par e passo no site de Record.
Por Fábio Lima
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas