Remi Garde abandona comando técnico do Aston Villa

Treinador francês não resistiu aos maus resultados

• Foto: Reuters

O francês Remi Garde deixou esta terça-feira o Aston Villa por mútuo acordo, apenas cinco meses depois de ter assumido o cargo de treinador do atual último classificado da Liga inglesa.

"O clube gostaria de apresentar os seus sinceros agradecimentos ao Remi por todos os seus esforços durante um período difícil e desejar-lhe tudo de bom para o futuro", indica um comunicado publicado na equipa de Birmingham.

Eric Black foi nomeado treinador interino enquanto não for encontrado um substituto.

Garde, de 49 anos, substituiu Tim Sherwood a 02 de novembro de 2015, mas em 23 jogos, somadas todas as competições, não conseguiu mais do que três vitórias, duas na Premier League e uma na Taça de Inglaterra.

Disputadas 31 jornadas, o Aston Villa ocupa a última posição da Liga inglesa, com apenas 16 pontos, estando a 12 da primeira equipa acima da 'linha de água'.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.