Renato Gaúcho irritado com arbitragem: «Será que Stevie Wonder não veria o lance?»

Técnico fez duras críticas após a eliminação do Grémio nas meias-finais

• Foto: Reuters

"O lance não deixa dúvidas. Será que o Stevie Wonder não veria? Vendo o jogo na cabina, como é que não vê, com aquele monte de câmaras, que o jogador fez o golo [o 1-1] com o braço." Foi assim que Renato Gaúcho comentou a eliminação do Grémio nas meias-finais da Taça Libertadores, em casa frente ao River. O treinador dos brasileiros encheu de críticas a arbitragem, depois de a equipa ter tido o pássaro na mão.

Final de loucos no Grémio-River Plate com VAR e... cabeças perdidas

O Grémio havia vencido (1-0) na Argentina e, já em Porto Alegre, adiantou-se por Léo Gomes (35’) e aguentou a vantagem até dez minutos do fim. Só que a partir daí tudo se alterou. O River empatou (82’) e virou a eliminatória (90’+5), mas o tricolor contestou duas decisões capitais: os brasileiros alegaram que o 1-1 teve ajuda da mão e criticaram a intervenção do VAR no penálti do 1-2. O lance do golo decisivo, aos 87’, obrigou até à entrada da polícia em campo e o castigo máximo só foi cobrado por Pitty Martínez aos 90’+5. Tanta emoção que o jogo só acabou 14 minutos após os 90 regulamentares.

Numa partida em que Bruno Cortez (ex-Benfica) e Geromel (ex-Guimarães e Chaves) foram titulares no Grémio e Quintero e Enzo Pérez alinharam no River, decisões polémicas ditaram uma meia-final que apurou o River, que pode não ter ainda a final assegurada.

Tricolor protesta jogo

Após a eliminação, o presidente do Grémio garantiu que irá protestar sobre o que considera "um roubo". "Vamos recorrer. Esperamos que a Conmebol atue com os atos de incumprimento do técnico do River", disse Romildo Bolzan.

Por Filipe Balreira
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas