Renato Sanches visto à lupa esta época

Os dados estatísticos do médio pelo Bayern

• Foto: Epa

Uma das contratações mais sonantes do último defeso - custou ao Bayern Munique 35 milhões de euros, num negócio que poderá subir até aos 80 milhões no caso de cumprimento de determinados objetivos -, Renato Sanches está ainda a adaptar-se ao futebol alemão e ao tetracampeão germânico. Até ao momento, o internacional português realizou 9 jogos oficiais (nenhum completo) em todas as provas, ora como titular (5), ora saltando do banco (4).

Eleito o melhor jovem do Euro'2016 e recentemente considerado o melhor jogador sub-21 a atuar na Europa - venceu o prémio 'Golden Boy' -, Renato não deslumbrou ainda num conjunto bávaro recheado de estrelas no meio-campo, como Xabi Alonso, Thiago ou Kimmich. Entre críticas de antigos jogadores do clube ou pedidos de paciência por parte de colegas ou Carlo Ancelotti, os números mostram que o jovem de 19 anos está ainda a ambientar-se e que a explosão que tanto o caracteriza em campo não surgiu ainda na plenitude.

Alguns dados estatísticos de Renato na Bundesliga
Apenas uma situação de golo criada

Analisando os jogos na Bundesliga (6) e na Liga dos Campeões (2) através dos dados disponibilizados pelo portal 'Squawka', perito em estatísticas no futebol, chega-se à conclusão de que Renato é, até ao momento, um dos jogadores com menor rendimento na equipa. No campeonato, tem um 'score' de rendimento de 54, apenas superior a Jérôme Boateng e Kingsley Coman (ambos 41) e bem atrás de Thiago (362) ou Xabi Alonso (311), por exemplo.

Olhando mais cuidadosamente para o desempenho na principal prova alemã, Renato Sanches tem 89 por cento de acerto no passe (num total de 209 efetuados, pouco mais de metade deles para a frente), sendo aqui o sexto melhor da equipa. Porém, noutros parâmetros como chances de golo criadas ou ações defensivas por jogo fica no fundo da tabela, num sinal de que a sua tão habitual agressividade, tanto defensiva como ofensiva, tem estado um pouco arredada do seu jogo. Resumidamente, Renato ainda não marcou, não deu qualquer assistência, apenas originou uma situação de golo e ganhou 47 por cento dos duelos individuais com adversários.

Na Champions, os somente 27 minutos disputados ao cabo de três jornadas acabam por impedir desempenhos mais convincentes. O portal atribuiu um score de 11, ficando apenas à frente de Douglas Costa (-3). O facto de não ter qualquer remate ou situação de golo criada influenciam decisivamente a pontuação atribuída pelo 'Squawka'.

Por João Socorro Viegas
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas