Roménia: Federação e Liga condenadas a pagar 240 milhões de euros

'Beneficiário' é o Universidade Craiova, indevidamente suspenso das competições, em 2011

• Foto: Facebook Federação Romena de Futebol

A Federação Romena de Futebol, a Liga profissional e dois antigos responsáveis foram condenados em primeira instância a pagar 240 milhões de euros ao clube Universidade de Craiova, da I Liga romena, anunciou esta terça-feira o Tribunal de Bucareste.

O caso tem a ver com uma suspensão temporária aplicada ao clube em 2011 motivada, à época, por "violações graves dos estatutos da Federação", suspensão esta que, no entendimento dos juízes, não se justificava em função dos factos alegados.

A indemnização a pagar ao clube romeno e ao seu presidente, Adrian Mititelu, é pesada e poderá, a ser aplicada, levar ao colapso da federação, segundo a opinião de jornalistas desportivos e de responsáveis de clubes.

"Será a dissolução do futebol romeno, se esta decisão for aplicada", disse Andrei Vochin, alto responsável da federação romena, citado pelo 'site' dolce-sport.ro., lembrando que o orçamento anual do organismo é de 15 milhões de euros.

A Federação romena já anunciou que vai recorrer desta decisão e sublinhou que a exclusão do Universidade de Craiova foi uma decisão "individual e subjetiva", razão pela qual "a responsabilidade deveria ser individual".

O ex-presidente da federação Mircea Sandu e o ex-presidente da liga Dumitru Dragomir foram condenados, cada um, a três anos de prisão com pena suspensa, a multas a rondar os 17.700 euros e a 100 dias de trabalho comunitário, segundo a Agência Agerpres, citada pela AFP.

Os dois visados negaram as acusações e disseram que iriam contestar a decisão do tribunal.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.