Sá Pinto acusa Bölöni de mentir

Português “incrédulo” com “falta de gratidão” do seu antigo treinador no Sporting

• Foto: Getty Images

Incrédulo, triste e revoltado com aquilo que considera ter sido uma enorme "ingratidão e falta de caráter". Foi assim que Sá Pinto reagiu às declarações de Laszlo Bölöni, que, no final do Standard Liège-Antuérpia (1-1), referiu que o seu antigo jogador no Sporting "sempre foi uma pessoa conflituosa" e que "a diferença entre Deus e Sá Pinto é que Deus não quer ser como Sá Pinto".

"Foi uma surpresa total! Enquanto jogador, dediquei-me nos limites, cheguei a jogar lesionado, sempre com o intuito de ajudar a equipa e a ele, como treinador do Sporting. Tínhamos uma relação boa, civilizada, e ainda há pouco estivemos juntos duas vezes, rimos, falámos da família... Enfim, estava tudo normal. Não percebo. É uma atitude de alguém que não está bem psicologicamente. Foram declarações irresponsáveis, mentirosas e cobardes", disse o técnico a Record, sublinhando que, ao contrário do que referiu o romeno, na época do título leonino fez bem mais do que um jogo.

"Joguei a primeira jornada com o FC Porto, mas acabei por lesionar-me. Voltei à equipa à 5ª jornada e a partir daí fiz dez jogos sempre como titular, em que vencemos oito e empatámos um. Em Paços de Ferreira até marquei um golo. Depois, lesionei-me gravemente frente ao Halmstads, para a Taça UEFA", frisou, acrescentando: "Aí, ele dizia que eu era o jogador mais importante para ele, ligava-me frequentemente. Por isso, estou estupefacto com estas mentiras, esquecimentos e equívocos. Se ser conflituoso é ser frontal, sério, corajoso, e é lutar por aquilo que acredito, pela defesa da minha equipa e pelo clube que represento, vou sempre fazê-lo."

Por Fábio Aguiar
7
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.