Selecionador do Egito demitido após nove jogos sem derrotas

Hossam El-Badry, de 61 anos, deixa o comando dos faraós

• Foto: Action Images

Hossam El-Badry já não é selecionador do Egito. O treinador de 61 anos, que ocupava o cargo desde 2019, quando sucedeu ao mexicano Javier Aguirre, orientou os faraós em 9 partidas com registo invicto: 5 vitórias e 4 empates.

O empate (1-1) registado no Gabão, no último sábado, a contar para a fase de qualificação africana para o Mundial'2022, terá sido decisivo para a saída do treinador, que nos últimos meses vinha sendo contestado pelas fracas exibições.

A saída foi oficializada pela federação egípcia, em comunicado.

Por Record
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas