Record

Tévez farto de futebol: «Se estiver a dar um Barcelona-Real na TV mudo para o golfe»

Veterano avançado do Boca Juniores deixa várias confissões

• Foto: Reuters
Outrora um dos principais craques da Argentina, Carlos Tévez representa hoje em dia o Boca Juniors já no ocaso da sua carreira. Aos 34 anos, o 'Apache' aproveitou o ambiente familiar - a entrevista ao diario 'Clarín' foi feita no bairro onde cresceu, perto de Buenos Aires - para falar em tom sincero, sobre a sua infância, ideais e também... a falta de gosto pela modalidade que pratica.

"Não gosto de futebol. Se estiver a dar um Barcelona-Real Madrid na TV e noutro canal estiver a dar um torneio de golfe, prefiro o golfe. Nunca fui fanático por futebol. Gosto sim de jogar, de ter a bola nos pés", confessou o internacional argentino que, por não ser um espetador atento do desporto-rei, não consegue fazer avaliações sobre o que poderá acontecer na outra meia-final da Taça Libertadores, entre River e Grêmio [n.d.r.: O Boca enfrenta o Palmeiras na outra meia-final]: "Não sei, não vejo futebol, mas é claro que o River é uma boa equipa."

Sobre questões políticas, tão em foco na América do Sul, Tévez sublinhou que este é um tema que "não lhe interessa e do qual não sabe absolutamente nada": "Na casa dos meus pais não se falava de política e na minha também não. O meu pai ia para o trabalho às 6h00 e voltava às 19h00. Trabalhava para colocar a comida na mesa. Esse é o exemplo que tem de ser dado às crianças. Isso e educação."
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

M M