Treinador que já passou por Portugal vítima de racismo na Escócia

Alex Dyer, técnico do Kilmarnock, recebeu uma carta com insultos após uma derrota

• Foto: Instagram

Kilmarnock, clube da primeira divisão da Escócia, condenou veementemente os ataques racistas dirigidos ao treinador Alex Dyer e está a trabalhar com a polícia no sentido de punir os responsáveis.

O clube recebeu uma carta depois da derrota em casa, por 2-1, com o 
Livingston, onde eram descritos insultos de teor racista dirigidos ao treinador.

"Estamos a trabalhar com a polícia com o intuito de identificar os indivíduos responsáveis por este ato desprezível e vamos fazer de tudo para que sejam punidos. O racismo é inaceitável e tem de ser destruído onde quer que seja", explicou o clube em comunicado.

Alex Dyer, treinador de 55 anos, chegou a passar por Portugal enquanto jogador. Vestiu a camisola do FC Maia em 1996/97.
 

Por Record
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.