UEFA e La Liga reforçam críticas à Superliga europeia

Presidente da liga, Javier Tebas, acusa mesmo FIFA de apoiar prova de elite

• Foto: Reuters

O projeto da Superliga europeia continua a dar que falar e voltou a ser alvo de críticas. À margem da conferência da Plataforma de Aconselhamento de Clubes (CAP) das Ligas Europeias, tanto o presidente da UEFA, Aleksander Ceferin, como o líder da Liga espanhola, Javier Tebas, alertaram que a Superliga ainda não é uma "ideia morta" e o dirigente espanhol acusou mesmo a FIFA de estar por trás da competição de elite.

"O que estou a dizer agora, que a FIFA estava por trás de tudo isto, não sou eu a dizê-lo, são os próprios clubes. Chamo a atenção para as palavras de Gianni Infantino (presidente da FIFA). Ele responde que 'há muitos rumores, mas eu reúno-me com quem quero, para ouvir todas as opiniões e ideias novas'. Não negou que se reuniu com os clubes da Superliga porque não pode, há provas. Agora, o que faz é transformar isto num relato favorável, mas a lealdade dele tem de ser para com a UEFA e as competições nacionais", considerou Tebas, na conferência realizada em Madrid, advertindo que a Superliga não está morta, apesar da desistência de nove dos 12 clubes fundadores (Liverpool, Arsenal, Man. City, Man. United, Tottenham, Chelsea, Milan, Inter e At. Madrid): "A Superliga já acabou? Não! A Superliga não é um formato, é um conceito que começou há 20 anos com a criação do G14. É um sonho de presidentes de alguns clubes como o Real Madrid..."

Já o presidente da UEFA, Ceferin, apelou à união de todos os elementos ligados ao futebol europeu, comparando até, em certa forma, a Superliga à pandemia da Covid-19. "Os grandes clubes entenderam mal o que significa fazer parte do futebol europeu. Não é altura para dividir nem destruir. Juntos somos mais fortes. Não nos parece que o vírus seja diferente da tentativa de alguns para separar o futebol. Não sei se a nossa sociedade vai voltar a ser como antes, mas sei que nós, na UEFA, damos agora muito mais valor à importância da união no futebol europeu", concluiu o líder federativo, isto numa fase em que a UEFA deu sequência a um processo disciplinar contra os clubes que ainda permanecem na Superliga (Real Madrid, Barcelona e Juventus).

Mérito desportivo e gestão do calendário

No encontro da CAP foram também abordadas soluções para o futuro do futebol europeu. Desde logo, o CEO da Liga italiana, Luigi De Servio, sugeriu a aplicação de um teto salarial nos clubes. "Tem de existir uma estrutura europeia permanente que aplique um teto salarial para evitar que o sistema entre em colapso. Sobre a Superliga europeia, a Serie A sempre foi contra. Defende com firmeza o mérito desportivo", explicou o dirigente italiano.

Também Fernando Carro, CEO do Bayer Levekusen, destacou a importância do mérito desportivo para a cultura alemã. "O mérito no desporto é muito importante para os adeptos na Alemanha. São princípios que não podem ser violados", defendeu, comparando com o modelo idealizado pela Superliga. "Era expetável que os clubes alemães não fossem a favor. Os adeptos não esperam que os clubes alemães apoiem uma competição fechada", concluiu.

De resto, o aumento do número de jogos no calendário europeu também mereceu uma análise por parte dos elementos presentes na CAP. Tendo isso em conta, o diretor-desportivo do Sevilha, Monchi, foi uma das vozes críticas em relação a um calendário mais sobrecarregado. "Foi unânime a posição dos futebolistas sobre a possibilidade de haver uma Superliga. O aumento de jogos não favorece a competitividade. Tem consequências no rendimento dos jogadores e leva a um maior risco de lesões", começou por explicar, completando: "Além disso, os gastos dos clubes aumentam, porque é necessário ter um plantel mais vasto, com mais opções, devido à grande quantidade de partidas..."

A Plataforma de Aconselhamento de Clubes (CAP) reuniu esta quinta-feira, em Madrid, por teleconferência, os líderes de várias ligas nacionais e clubes europeus, para debater temas como a Superliga europeia, as competições profissionais e a sustentabilidade dos clubes e futebol profissional.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.