«Vem para o Sevilha: podes beber, ir a discotecas, fazer o que quiseres»

Samir Nasri revela a 'pressão' feita por Sampaoli para que assinasse pelo clube espanhol

• Foto: Reuters

Samir Nasri anunciou domingo, ao 'Le Journal du Dimanche', que vai deixar o futebol. Na hora de colocar um ponto final na carreira, o médio francês recordou alguns episódios mais caricatos, falando abertamente da forma como chegou ao Sevilha e das liberdades que Sampaoli lhe dava.

"Sampaoli queria tanto que eu assinasse que me disse: 'Vem para a nossa equipa, podes beber, ir a discotecas, fazer o que quiseres, que eu te protegerei. Só te peço que jogues bem ao fim de semana", contou Samir Nasri ao referido diário francês.

"Se eu quisesse ir ver a minha família num fim de semana que não houvesse jogo, Sampaoli dizia que tomaria conta do meu cão", acrescentou.

O francês anunciou a a principal razão para terminar a carreira: a suspensão de 18 meses da qual foi alvo depois de ter sido acusado, em 2018, de uso de doping, alegações que o próprio negou veemente, afirmando que a substância se tratava de "uma injeção de vitaminas, uma vez que estava doente".

Por Record
6
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas