«Violaram a minha vaca»: internacional colombiano denuncia caso e revolta instala-se

Miguel Borja mostrou imagens do animal e acusa um grupo de jovens

Há histórias caricatas e depois há as... incompreensíveis. Esta que agora aqui contamos talvez seja ainda mais além destas categorias. Se não acredita, é ler: o internacional colombiano Miguel Borja, atualmente no Junior Barranquilla, denunciou um grupo de jovens que violaram uma das suas vacas.

"Há uns dias, chegaram aqui umas pessoas que violaram esta vaca, maltrataram-na e a deixaram assim como está. Acreditamos em Deus e esperamos que Deus a ajude a recuperar. Está no chão há oito dias", afirmou o avançado num vídeo que divulgou nas redes sociais ao lado do animal na sua quinta, em Tierra Alta (Córdoba), na qual está a viver este período de isolamento obrigatório durante a pandemia de coronavírus. A publicação recebeu de imediato centenas de comentários que não escondiam a revolta pelo relatado.

Borja explicou ainda que "um grupo de jovens" passou naquela zona "a consumir drogas como se fossem donos disto tudo". "Está na altura de isto mudar, dediquem-se a procurar Jesus e aproveitem este tempo para fazer coisas produtivas", concluiu.

1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Internacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.