Adi Hunter deixa comando técnico do Borussia Mönchengladbach

"Acreditamos que esta decisão é a mais correta para ambas as partes", disse o diretor desportivo do clube

O treinador austríaco Adi Hunter deixou o comando do Borussia Mönchengladbach, anunciou o clube após a goleada por 5-1 ao Hoffenheim, na última jornada da Bundesliga.

Em comunicado, o clube, que terminou a Liga alemã na 10.ª posição, garante que a decisão foi tomada por mútuo acordo e resulta de conversações mantidas entre o técnico e a direção nas últimas semanas.

"Acreditamos que esta decisão é a mais correta para ambas as partes", disse o diretor desportivo do clube, Roland Virkus, acrescentando: "Agora, a nossa tarefa é tirar conclusões do que se passou estar temporada e tomar medidas para começar da melhor forma a próxima".

Adi Hutter, que chegou ao clube esta época, depois de três temporadas no Eintracht Frankfurt, já tinha admitido após o triunfo sobre o Hoffenheim que ele e o clube decidiram "por mútuo acordo, seguir caminhos diferentes".

"Saio com pena e muita tristeza porque gostava muito de estar aqui, mas, infelizmente não conseguimos tudo o que queiramos no aspeto desportivo. Só posso agradecer ao clube a franqueza e honestidade", disse o técnico, de 52 anos, na zona de entrevistas rápidas, após o encontro.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Borussia M'Gladbach

Notícias

Notícias Mais Vistas