Bayern pode multar jogador por ter ido para o treino com McLaren 570S Spider

Obrigatório ir de Audi

• Foto: Reuters

Kingsley Coman, avançado do Bayern Munique, deverá ser multado pelo emblema bávaro por ter desrespeitado a regra que obriga os jogadores da primeira equipa a ir para o centro de treinos com carros da Audi, marca que patrocina e detém uma participação no clube.

O jogador francês surgiu no Sabener Strasse, centro de treinos dos alemães com um McLaren 570S Spider, avaliado em quase 200 mil euros, e, tal como já tinha acontecido com Philippe Coutinho e Niklas Sule, pode vir a ser multado em 50 mil euros.

Não foi conhecido o desfecho relativamente a estes dois jogadores, mas quando surgiram num Mercedes e num Ferrari, respetivamente, Hasan Salihamidzic, diretor-desportivo do Bayern Munique, deu conta que os 50 mil euros seria o valor da multa a pagar.

Coman já veio a público pedir desculpas e deu uma explicação para na semana passada não ter conduzido o Audi, como é costume. "Quero pedir desculpas ao clube e à Audi, por não ter ido para o treino, com o carro da companhia. Tinha um espelho retrovisor danificado. Ainda assim, sei que é um erro", vincou em declarações reproduzidas pelo 'Bild', tendo ainda dado conta que pretende compensar a marca: "Irei visitar a fábrica da Audi em Ingolstadt, darei autógrafos e alguma atenção aos funcionários durante uma hora".

2
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Alemanha

Notícias

Notícias Mais Vistas