Desvendada a história de Bakery Jatta: médio do Hamburgo mentiu no nome e na idade

'Sport Bild' investigou o futebolista que nasceu na Gâmbia

O histórico Hamburgo está debaixo dos holofotes esta quarta-feira devido ao médio Bakery Jatta. Segundo revela o 'Sport Bild', que esteve a investigar o futebolista nascido na Gâmbia, Bakery Jatta mentiu no nome e na idade.

A publicação germânica avança que Bakery Jatta chama-se na realidade Bakary Daffeh e não tem 21 anos mas sim 23.

A história remonta a 2015, ano em que Jatta emigrou para a Alemanha. Segundo refere o 'Sport Bild', para facilitar a sua entrada e beneficiar da tolerância concedida aos refugiados menores para permanecer no país, Bakery teria mentido na sua identidade e data de nascimento. Assim, o futebolista teria 'adotado' o apelido Jatta e teria dito que nascera a 6 de junho de 1998 (data oficial no site do Hamburgo) em vez de 6 de novembro de 1995.

Mas há mais. Bakery também mentiu no que diz respeito aos clubes em que jogou. Na versão apresentada ao Hamburgo, o médio nunca tinha jogado por nenhum clube do seu país, no entanto o 'Sport Bild' chegou à fala com dois treinadores do futebolista, que o identificaram com base em fotografias. Os técnicos confirmaram ainda que o médio defendeu as cores do Brikama United, tendo sido emprestado também a várias equipas da Nigéria e do Senegal.

Uma história que ainda deverá fazer correr muita tinta...
 

7
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Alemanha

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.